Policiais civis apreendem mais de 100 quilos de drogas enterradas em Vila Velha

27/08/2019 11h23

A equipe do Departamento Especializado em Narcóticos (Denarc) realizou uma operação com o objetivo de desarticular uma associação criminosa voltada ao tráfico de drogas. O grupo atuava na região da Grande Terra Vermelha. Os policias efetuaram a prisão de E.H.M., de 24 anos, com ele foram apreendidos 106 quilos de maconha. A ação ocorreu na última segunda-feira (19), no bairro Santa Paula, município de Vila Velha.

“Essa associação criminosa inseria selos na droga, com o intuito de expressar uma suposta qualidade. Mas sabemos que não existe qualidade nesse tipo de substância, que pode levar as pessoas à morte. Nesse comércio criminoso, eles tentam trazer uma garantia para a pessoa que compra. E, nesse caso específico, o Denarc deteve o traficante, que é o intermediário. Então, foi uma prisão significativa e importante que irá levar a outras prisões”, explicou o delegado responsável pelo Departamento, Fabrício Dutra.

De acordo com o responsável pelas investigações, delegado Diego Bermond, o serviço investigativo recebeu a informação que haveria uma base nessa região. “Diante disso, os policiais também receberam a informação que um traficante, ligado a essa associação, estaria vendendo dois tabletes de maconha em um supermercado próximo ao local. Então, os policiais foram até o encontro desse indivíduo e prenderam-no em flagrante portando a droga”, relatou.

Diego Bermond contou que, ao chegarem local onde estava a base da associação criminosa, os policiais identificaram um cheiro forte da droga. “O entorpecente estava dentro de tonéis enterrados. Essa é uma prática que eles fazem para dificultar o trabalho policial e de outras associações criminosas, que poderiam identificar que havia entorpecente nessa casa e pegar essa droga”, afirmou.

O delegado esclareceu que esse grupo tem o objetivo de vender maiores quantidades de drogas para outros traficantes e esses venderiam para o usuário final. “Foi uma habilidade dos policiais, no momento da ação, terem identificado que poderia haver droga no local. A ação foi positiva nesse sentido”, finalizou.

Após os procedimentos, o detido foi encaminhado para uma unidade prisional.

Confira matéria jornalistica