Polícia fecha rinha com 154 galos no interior do Estado e detém 11 pessoas envolvidas

11/08/2019 14h00 - Atualizado em 13/08/2019 18h51

Ação policial no município de Colatina, região noroeste do Espírito Santo, fechou uma rinha de galos neste sábado (10), por volta das 13 horas.

A operação foi uma das maiores do Estado e envolveu 154 animais, muitos deles machucados.

Vinte policiais da força tática, com apoio da polícia ambiental, participaram da operação. Onze pessoas conduzidas para a Delegacia Regional de Colatina, entre elas dois policiais que estavam de folga. Uma grande quantia em dinheiro também foi apreendida. 

A operação aconteceu após uma denúncia anônima, feita por meio do telefone 181. De acordo com a polícia, os galos estavam mutilados, muitos com a esporas cortadas e sangrando. A estrutura do local impressionou os profissionais que conduziram a ocorrência: lá funcionava também um bar, com amplo estacionamento. No fundo, gaiolas e medicamentos para tratar os machucados das aves também foram apreendidos. 

A disputa entre os animais acontecia sempre aos sábados na comunidade de Cascatinha, que fica no interior de Colatina. Os policiais apuraram que a rinha existia há muitos anos, mas ganhou mais adeptos nos últimos meses. Assim que se recuperarem dos ferimentos, os galos serão levados para o Centro de Reintrodução de Animais Selvagens (CEREIAS), que fica em Aracruz. 

veja matéria jornalística