Batalhão de Polícia Ambiental flagra área desmatada em Vargem Alta

10/06/2019 15h24 - Atualizado em 10/06/2019 15h39

Na tarde deste sábado (8), a 4ª Companhia do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) autuou um proprietário rural por desmatar uma área de 0,24 hectare coberta por vegetação nativa de Mata Atlântica em estágio médio de regeneração, na localidade de Vila das Palmeiras Imperial, em Vargem Alta. 

A infração constitui crime ambiental, tipificado no artigo 38 da Lei Federal 9.605/1998 (Lei de Crimes Ambientais) e tem como pena de um a três anos de detenção. 

De acordo com o sargento G. Silva e soldado Daudt, responsáveis pelo atendimento da denúncia, o desmatamento  acabou gerando aproximadamente cerca de 8,5 ST (estereo) de material lenhoso de origem nativa. 

O proprietário de 58 anos foi localizado pela equipe de serviço em sua residência após realizar a aferição de toda a degradação ambiental provocada na área. Indagado sobre o motivo que o teria levado a realizar o desmate, ele informou que o serviço foi realizado com o objetivo de realizar plantio de palmito no local.

veja matéria jornalística